O Reino do Meio MOBI ã O Reino PDF/EPUB ²

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *


O Reino do Meio A conclusão da triologia do Lótus O momento esperado foi o encontro entre o Artur e o Sakui Dois personagens com personalidades semelhantes apesar de terem ideologias diferentes e viverem em países diferentes As flores de lótus não tem o fim merecido Principalmente Lin hua ue é uma das maiores vítimas da segunda grande guerra Para além de ter de assistir a destruição da sua casa vê se obrigada a ser concubida para salvar a honra da família No entanto tal como refere o narrador nem todos podem terem finais extraordinários A maioria têm finais vulgares O único ue tem o final merecido é o nosso português Artur ue acaba por conseguir uma enorme promoção na carreiraEm suma esta triologia enreuiceu me aprofundado os meus conhecimentos nas culturas orientais e nos totalitarismos O José Rodrigues dos Santos é indubitavelmente o meu escritor preferido É um autor ue divide muito opiniões mas a mim é o único ue me faz aprender factos históricos sem eu achar aborrecidoEsta obra fecha uma trilogia ue na minha opinião foi muito bem conseguidaA trilogia de Lótus conta a história de 4 famílias uma portuguesa uma chinesa uma japonesa e uma russa O espaço temporal vai desde o início até meados do século XX Ao longo das 3 obras toca se em assuntos como o Comunismo o Fascismo as Ditaduras início da segunda Guerra Mundial perseguição aos JudeusFoi um prazer ler este livro Foi a 15a obra ue li deste autor e mal posso esperar pela próxima O Reino do Meio encerra a Trilogia do Lótus; uma trilogia ue segui com muito interesse não apenas pelas histórias dos personagens mas também pela reflexão de José Rodrigues dos Santos sobre os autoritarismos e totalitarismos ue se instalaram não sem contexto nem ao acaso na primeira metade do século XX Embora menos do ue dos dois livros ue o antecedem gostei consideravelmente d' O Reino do Meio Sendo dos três livros o de menor carga teórica este terceiro volume foi em conseuência disso mesmo o menos interessante para mim Fiuei também um bocadinho desiludida com o final; vendo bem uem é ue gosta de seguir um personagem ao longo de três livros e ver o seu futuro ser rematado desta forma « teve o seu próprio destino e decerto um dia alguém o contará alguém ue não eu entenda se»? Acho ue estes fantásticos personagens e o leitor também mereciam uma conclusão menos apressada Pormenores à parte é de louvar a conclusão de um projeto tão ambicioso tendo em conta a complexidade das dinâmicas ue aborda o seu autor está definitivamente de parabéns É melhor acender uma vela do ue amaldiçoar a escuridão”Muito bomGostei muito dos desenvolvimentos finais desta trilogia Apesar de gostar mais de histórias com finais felizes devo admitir ue há histórias ue tocam tão profundamente a real existência da vida ue seria imperdoável romantiza las e adorna las de forma a caberem na nossa maneira utópica de ver o mundo realO final este livro soube me a pouco gostava de saber o ue foi ue aconteceu às personagens depois ue convergiram para Macau mas talvez fiue para um outro romance uem sabe Antes de ler este livro nunca tido lido nenhum do autor e não o tinha em grande consideração No entanto surpreendeu me sobretudo o rigor histórico ue envolve a narrativa e ue está cheio de peuenos pormenores ue aconteceram realmente pelo ue além de um romance é também uma grande maneira de aprender um pouco de história Fora a isso a linguagem é simples e permite acompanhar emocionalmente o desenrolar de cada história “ue estranho fenómeno era auele ue dava aos homens tanto ânimo para enfrentarem o perigo e tanto medo de encararem uma mulher? Porue se dispunham a correr para as balas assassinas e a fugir das lágrimas femininas?”“A meditação na acção é cem vezes melhor do ue a contemplação na imobilidade” Hakuin Ekaku“Confúcio dissera ue em tudo havia beleza embora nem todos reparassem nela”“A boa fé de uns reuer a boa fé de outros”“Os pretextos arranjarão ele conforme as ocasiões e as conveniências”“as sociedades progridem através da guerra de classes”“Diz a tradição ue um sábio toma as suas prórpias decisões um ignorante segue a opinião dos outros”“Na política tudo se move em função dos interesses do momento”“é melhor acender uma vela do ue amaldiçoar a escuridão”“Não há nações amigas há é nações com interesses comuns”“uando o vento da mudança sopra alguns erguem muros e outros constroem moinhos”“Todos esperamos ue as histórias culminem em finais extraordinários arrebatadores e emocionantes mas a vida é feita de finais vulgares uase dececionantes até porue em bom rigor a realidade não tem finais apenas uma permanente continuidade ue só é interrompida com a morte É nas entrelinhas da normalidade ue temos de descortinar a excecionalidade de um destino” A guerra rebenta em Espanha e o Japão invade a China Uma relação extraconjugal nos Açores o atentado contra Salazar e as intrigas palacianas em Tóuio aproximam o coronel Artur Teixeira do cônsul Satake Fukui na mais imprevisível e perigosa das cidades – a Berlim de Adolf HitlerLian hua a chinesa dos olhos azuis está prometida a um desconhecido uando vê os japoneses entrarem em Peuim e a sua vida se transforma num inferno O mesmo espetáculo é observado pela russa Nadezhda Skuratova em Xangai onde se apaixona por um português ue a forçará a uma escolha impossívelA Berlim do blackout dos boatos e das anedotas do Hotel Adlon das suásticas ue brilham à noite e das lojas vazias com vitrinas cheias; a Peuim das mei po casamenteiras dos chi pao de seda dos cules e dos riuexós; a Tóuio do Hotel Imperial dos golpes no Kantei do zen e dos códigos de honra giri e ôn; e a Xangai da Concessão Internacional dos portugueses do Clube Lusitano dos néones do Bund das taxi girls russas e dos bordéisSenhor de uma prosa sem igual José Rodrigues dos Santos está de regresso ao grande romance com a conclusão da história inesuecível das uatro vidas ue o totalitarismo moldou Lendo se como um romance autónomo O Reino do Meio encerra em grande estilo a polémica Trilogia do Lótus uma das mais ambiciosas e controversas obras da literatura portuguesa contemporâneaEXCERTOA explosão reverberava ainda nos tímpanos de Artur ue sentiu o Buick abanar e o ar vibrar no momento do grande estrondo Encolheu se ao lado do automóvel e ao abrir os olhos apercebeu se de uma enorme coluna de fumo negro ue se erguia mesmo por cima dele Pedaços de terra e asfalto e ainda pedrinhas começaram nessa altura a chover sobre a rua por entre uma densa nuvem de pó obrigando o a pôr as mãos em torno da cabeça para se protegerOuviram se gritos e o som de pessoas a correr e passada a surpresa inicial o oficial descortinou Salazar de pé e imóvel junto à porta do carro o fato negro coberto de poeira; dir se ia um espantalho plantado no passeio«Senhor doutor» gritou uma voz de homem tão alterada ue roçava o pânico «Senhor doutor»«Valha me Deus Virgem santíssima» berrou uma mulher «O ue aconteceu O ue aconteceu»«Vossa excelência está bem Ficou ferido» A desorientação parecia generalizada apesar de os agentes da PVDE terem acorrido prontamente para se assegurarem de ue o presidente do Conselho se encontrava bem e procurarem controlar a situação na rua estabelecendo de imediato um perímetro de segurança Também Artur se precipitou para ver como estava o ditador e ao chegar ao passeio deu com ele a sacudir a poeira dos ombros antes de sair da letargia e romper o mutismo«Bem vamos à missa» #leiturasdefériasemtemposdecovid19 A opinião ficará para outro dia Só digo ue achei espectacular Para a historia ue se estava a criar um fim à pressãoAdenda 102018 Pelos vistos isto não é uma triologia Assim sendo vou reclassificar com 4Pois o final assim faz mais sentido em aberto

  • Paperback
  • 704 pages
  • O Reino do Meio
  • José Rodrigues dos Santos
  • Portuguese
  • 28 October 2016
  • 9789896167820

About the Author: José Rodrigues dos Santos

José Rodrigues dos Santos is the bestselling novelist in Portugal He is the author of five essays and eight novels including Portuguese blockbusters Codex 632 which sold 192 000 copies The Einstein Enigma 178 000 copies The Seventh Seal 190 000 copies and The Wrath of God 176 000 copies His overall sales are above one million books astonishing figures considering Portugal’s tiny market